PÁGINA PRINCIPAL  |  LÍNGUA/PAÍS  |  LOGIN  |  ÁREA DO PRODUTOR


Busca  

Notícias

Semex vence Troféu Agroleite 2019
A Semex Brasil conquistou na noite de ontem, 14, o Troféu Agroleite, na categoria Gen&eacut...
Gerente Semex recebe homenagem do CRMV-MG durante o Zootec 2019
O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Minas Gerais (CRMV-MG) homenageou nesta quar...
Finalista do Trofu Agroleite, Semex lanar novos touros em Castro
Com o tema Um novo olhar, o Agroleite 2019 ser realizado de 13 a 17 de agosto, no Parque de Exposie...
Grupo Semex fecha semestre com crescimento de 38%
O mercado de genética bovina vem apresentando bom desempenho em 2019. A Semex Brasil encerr...
ExpoGentica 2019 ter mostra de touros provados da bateria da Semex
Pela primeira vez, a ExpoGentica, evento dedicado s inovaes na rea de melhoramento gentico bovino d...
Semex domina ExpoLeite 2019
O último fim de semana foi marcado pelos julgamentos nas pistas da ExpoLeite 2019. Realizad...

Veja Todas As Notícias
Canadenses visitam projeto pecurio da Nova Piratininga
Artigo publicado em Junho 11, 2019, 07:02:48

Bookmark and Share    Subscribe

A propriedade conta com mais de 100 mil cabeças e trabalha com foco na produção de carne de qualidade, utilizando a genética de touros Angus da Semex Brasil

 

Considerada uma das maiores fazendas de pecuária de corte do mundo, a Nova Piratininga, em São Miguel do Araguaia/GO, recebeu a visita da diretoria da Semex Alliance, empresa parceira no projeto de produção de carne de qualidade. A propriedade está intensificando seu projeto pecuário e, para a estação de monta 2018/2019, utilizou em torno de 45 mil doses de sêmen da raça Angus da Semex. Paul Larmer, CEO da Semex Alliance, maior central de inseminação do mundo e com sede no Canadá, desembarcou no Brasil neste mês de maio para conhecer os resultados do projeto da Nova Piratininga. 

Como o foco do projeto é a produção de carne Premium, o rebanho está sendo inseminando com sêmen de touros Angus com características relacionadas a desempenho, peso de carcaça, marmoreio e AOL (rendimento de carcaça). O volume de doses utilizadas para inseminar o gado cresceu 125% desde 2016, ano em que teve início a parceria com a central Semex Brasil. De acordo com o gerente de Corte do Grupo Semex, Antonio Carlos Sciamarelli Junior, que acompanhou a visita, todos os animais nascidos desde o início da parceria com a Semex estão sendo monitorados em todas as etapas de produção (cria, recria e engorda em sistema de confinamento), finalizando no abate, para avaliar a evolução genética do rebanho. “Foi uma oportunidade de mostrar a qualidade da pecuária brasileira aos representantes da Semex Alliance do Canadá, que ficaram impressionados com a grande estrutura do projeto”, destacou Antonio Carlos.

A fazenda conta com uma área de 135 mil hectares e um rebanho de mais de 100 mil cabeças, sendo que as fêmeas em idade reprodutiva são mais de 40% desse total. Também participaram da visita à Nova Piratininga o diretor-presidente do Grupo Semex, Nelson Ziehlsdorff, o Gerente de Marketing do Grupo, Eduardo Fey, o Distrital da Semex no Centro-Oeste, Paulo Garcia Silveira, o Gerente Global de Corte, Dennis Serhienkoe o representante do Departamento de Corte da Semex Alliance, Brad Gilchrist. 

 

 



Imprimir Artigo | Enviar Artigo por Email

Registre-se na nossa Mailing List para receber notícias da Semex Brazil por email